The Ways

Em abril de 2004 o guitarrista Marcos Sá e o vocalista Marcelo Silva se reuniram após longa data afastados para tocar algumas músicas na casa de amigos. Após este encontro ambas acharam que seria hora de gravar algumas composições feitas anteriormente sob arranjos originais.

Em Abril do mesmo ano eles formam o The Ways. A presença de um baterista que soubesse tocar vários estilos causou a necessidade para que Marcos Sá convidasse Edu Dias para assumir o posto. Logo após veio Nonato Cavalcante assumindo a percussão e dando a característica que o The Ways busca: A universalidade.

A filosofia da banda é somente uma: Música bem tocada. Não importa que estilo, o The Ways transita facilmente, em decorrencia da formação musical de seus membros. A banda não tem compromisso com estilos e formas, o que vale em sua forma de expressão é a música em si e de que forma ela é tocada, sempre com sinceridade e qualidade.

Eles partem então para um objetivo maior, dada a enorme aceitação do público de suas músicas. Após a gravação do primeiro cd "The first Way" em abril de 2005, no Mosh em São Paulo com produção de Marcos Sá, o baixista Sidney Klautau juntou-se ao time e, completando a formação Bruno Fortinho assume os teclados do grupo em Janeiro de 2006.

O som do The Ways se caracteriza pela riqueza de arranjos que misturam de forma criativa estilos músicais diversos com rock. Soar com profissionalismo é possivel pois os integrantes tiveram experiência como músicos profissionais e de estudio ao longo de suas carreiras. Dada a Universalidade de idéias e experiências o baixista Sidney Klautau batizou o som da banda de GLOBAL ROCK. Em outubro o percussionista Nonato Cavalcante se desliga do The Ways, sendo substituido por Kleber Alamar. Boa Sorte ao nosso companheiro Nonato e Bem-vindo Kleber!


Baixe aqui o álbum "First Ways"

Baixe aqui o álbum "Casual"