DJ Benjamin Ferreira

A história da música eletrônica em Belém se confunde com a trajetória do DJ Benjamin. Envolvido com música e DJing desde a infância, graças a dois tios que eram DJs nos anos 70 e 80, começou a discotecar profissionalmente em 1996.

Em maio de 2000 fundou com a DJ alagoanaentão radicada em Belém Michelli Byanka o Coletivo Cotonete, com o objetivo de fomentar a cena eletrônica underground então incipiente nacidade. Em 2001 foi um dos idealizadores e produtores do Tóin (Cultura FM Belém), primeiro programa de eletrônica do rádio paraense, que teve participação de importantes DJs brasileiros e estrangeiros.

Com o Cotonete, grupo pioneiro no norte do Brasil e núcleo do Pragatecno (www.pragatecno.com.br), divulgou a música eletrônica através de festas, palestras e lista de discussão na internet, além de tocar nos principais eventos da região. Já dividiu as pick-ups com os DJs brasileiros Camilo Rocha, Mau Mau, Marky, Renato Lopes, Murphy, PET Duo, Renato Cohen, Andy, entre outros, além do francês David Carretta, dos alemães Christian Fischer e Hartmut Kiss e dos ingleses Ade Fenton e Jerome Hill.

A reputação de Benjamin, reconhecido nacionalmente como um dos pioneiros no trabalho pela música eletrônica underground na regiãonorte, já o rendeu duas turnês fora do Pará antes de se mudar para São Paulo, em 2006. Na primeira, em 2003, tocou nos clubes A Loca, Juke Joint e Fuzz, em São Paulo. Em 2005, representou o Norte no evento Brasil Eletrônico, realizado pelo Centro Cultural Banco do Brasil, ao lado de importantes DJs e produtores brasileiros, além de cinco outros eventos em São Paulo, em clubes como Lov.e, A Loca, Kraft (Campinas), A Loca e festas como a Colors e o after Rebolajaca, e mais apresentações no Rio de Janeiro e em Salvador.

O amplo background musical de Benjamin inclui influências que vão desde o jazz, a soul music, a disco e o funk dos anos 70, passando pelo synthpop e house dos anos 80 até a house music, o electro e o techno atuais. O resultado disso são sets ecléticos, coerentes e com muito groove, que saem da house music, passam pelo electro e chegam ao techno, com eventuais incursões por clássicos da música eletrônica.

Já teve residências importantes em Belém como os clubes The Mask (o primeiro dedicado à música eletrônica underground na região) em 2000, Groove Me, Oto Lounge Bar e Submarine Club. Desde agosto de 2006 residindo em São Paulo, já passou por casas paulistas como Vegas, Loveland, Hotel Cambridge, além das supracitadas, e comanda mensalmente o projeto De Leve, com o DJ paulistano Tahira. Também faz parte do time de colaboradores do www.rraurl.com, o primeiro e mais importante site de música eletrônica do Brasil.


Baixe aqui o Duo set "Desengessa! / Boogie Shoes - boogieelelctrodiscofunk de 1981 a 1984 "
http://www.badongo.com/file/4748976

Boogie Shoes - boogieelelctrodiscofunk de 1981 a 1984
01- Alicia Myers "You Get The Best From Me (Say, Say, Say)" (MCA, 1984)
02- Fonda Rae "Over Like A Fat Rat" (Vanguard, 1982)
03- Patrice Rushen "Number One" (Elektra, 1982)
04- David Joseph "You Can't Hide (Your Love From Me)" (Island, 1983)
05- Spence "Get It On" (Ariola Benelux, 1983)
06- Oliver Cheatham "Get Down Saturday Night" (MCA, 1983)
07- Change "Don't Wait Another Night" (Atlantic, 1983)
08- Jules Shear "When Love Surges" (EMI, 1984)
09- Midnight Star "Midas Touch (Instrumental Mix)" (Solar, 1984)
10- Gino Soccio "Who Dunnit?" (Atlantic, 1982)
11- Aretha Franklin "Jump To It" (Arista, 1982)
12- Michelle Wallace "It's Right (Instrumental aka Tee's Right)"(Emergency, 1982)
13- Suzy Q "Get On Up (And Do It Again)" (J.R. Records, 1981)
14- Mary Jane Girls "Candy Man" (Motown, 1983)